ESTUDO PRELIMINAR DA OTIMIZAÇÃO DO PROCESSO DE PRÉ-TRATAMENTO E-COAT EM UMA PLANTA DE PINTURA AUTOMOTIVA

Júlia Santos Pedro, Amanda Bahia de Souza, João Vitor Cabral Gonçalves, Cristiane de Souza Siqueira Pereira, Moisés Teles Madureira

Resumo


O pré-tratamento constitui uma etapa do processo da pintura automotiva, onde torna-se indispensável um tratamento de superfície devido a necessidade de remover as sujidades (óleo e limalha) residuais das etapas anteriores, para posterior pintura. Dessa forma, é considerado um dos principais fatores que influenciam na resistência à corrosão pelo seu efeito na aderência da camada de tinta. As atuais exigências do mercado referentes a desempenho têm colocado a indústria automotiva numa busca por novas alternativas, não somente no âmbito da engenharia de materiais com foco em composição de chapas metálicas, como também de novos tratamentos de superfície utilizados no processo de pintura. Visando máxima otimização, simultânea aos requisitos ambientais e manutenção da resistência à corrosão, característica fundamental nas garantias oferecidas pelas montadoras e determinante na durabilidade do veículo. Dito isso, o pré-tratamento é composto por 12 estágios, tornando o foco deste estudo reduzir de forma assertiva os custos, otimizando o processo tal como a retirada de uma etapa considerada obsoleta e indiferente quanto a qualidade final apresentada.


Palavras-chave


Pré-tratamento; otimização; corrosão.

Texto completo:

PDF

Referências


ALVARENGA, E. ; MOREIRA, J.; BUONO, V. Resistência a Corrosão de aços

Eletrogalvanizados Fosfatizados e Pintados. Tecnologia em Metalurgia e Materiais, São Paulo, v.4, n.2, p. 21-26, out. Dez, 2007.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 11003: Tintas-

Determinação da Aderência: Rio de Janeiro, 2009.

CHEMETALL. Processo de Fosfatização. Chemetall do Brasil Ltda. 2007.

OLIVEIRA BRETT, A. M. & BRETT, C.M;A. Electroquímica, princípios, métodos e aplicações, Coimbra, Portugal,: Editora Almedina, 1996.

DIAS, E. E. P. Análise de melhoria de processos: aplicações à indústria automobilística.

100f. Dissertação (Mestrado em Sistemas de Gestão) – Universidade Federal

Fluminense, Rio de Janeiro, 2006. Disponível em: Acessado em 09/11/18.

INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA BRASILEIRA. Disponível em Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (ANFAVEA). Acessado em 05/11/2018.

MAINIER, F.B - Reflexões: o computador, o desemprego e o processo educativo. Anais: 4 ª Jornada de Pesquisadores em Ciências Humanas, Centro de Filosofia e Ciências Humanas, 8/10 Outubro, Campus da Praia Vermelha, UFRJ, 1997, p.35


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

 

                      Brazilian Journal of Production Engineering - BJPE (ISSN: 2447-5580)