Crise estrutural do capital e seus impactos ao meio ambiente

Edmar Marinho Oliveira, Marineia Viale Quinelato, Soraya Gama de Ataíde Prescholdt

Resumo


O estudo se propõe a realizar uma reflexão sobre a crise estrutural do capital e seus impactos no meio ambiente no Brasil a partir da década de 1970. A análise perpassa os dilemas enfrentados na contemporaneidade entre crescimento econômico versus preservação ambiental. A metodologia empregada consiste em uma pesquisa bibliográfica e documental com autores clássicos e contemporâneos. O crescimento econômico sem considerar a preservação ambiental desdobra em impactos desastrosos a manutenção da vida humana, demonstrando as contradições e perversidade desse sistema que acaba gerando a destruição dos elementos necessários para a sua reprodução.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.