O AGRONEGÓCIO E O ACIRRAMENTO DA DEPENDÊNCIA NO SÉCULO XXI

Marina de Abreu Queiroz

Resumo


O Brasil do século XXI reflete fielmente a sua característica dependente, se voltando às bases agrícolas para geração de saldos comerciais,  de maneira a cobrir os enormes déficits estruturais do Balanço de Pagamentos. Pretende- se analisar os impactos econômicos que o agronegócio traz para a economia brasileira ao concentrar e centralizar ainda mais a terra, o capital e a produção. O fomento público ao agronegócio e o novo papel das economias periféricas na divisão internacional do trabalho contribuíram para a desindustrialização da economia brasileira e para o acirramento do caráter dependente, adentrando para uma nova fase da dependência.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.