Financeirização da economia e monetarização dos direitos sociais

Bruna Cabral da Silva Côrtes Moreira, Carolina Joannes Rabelo, Giselle Nunes Florentino

Resumo


A inserção brasileira na plataforma internacional de valorização financeira deu-se a partir dos anos 1990 por meio dos processos de liberalização comercial e financeira e a abertura internacional de forma desregulada. Tal processo ganhou importantes impulsos no governo Lula, através de políticas fiscais, cuja finalidade é o desvio de recursos da seguridade social para a manutenção da lucratividade dos mercados financeiros. Neste sentido, o presente trabalho a partir deste marco histórico, propõe-se a analisar o marco das políticas de transferência de renda no processo de transformação do conceito de política social.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.