Nota sobre família, cuidado e Serviço Social

Nádia Xavier Moreira, Amanda Nascimento Lougon dos Santos, Ísis Silva Souza Eccard

Resumo


A partir da experiência como assistente social em uma unidade de saúde, o artigo reflete a participação da família no cuidado ao usuário com câncer avançado, analisando nessa participação a presença de uma construção de gênero na relação entre cuidadores e usuário. Trata-se de um estudo com abordagem metodológica qualitativa, realizado por meio de uma revisão de literatura e análise documental. Os resultados do estudo indicam que a família só proverá os cuidados se também for alvo de proteção pelo Estado. Há ainda a necessidade de que a equipe de saúde, da qual faz parte a assistente social, atente-se para os demais familiares envolvidos nos cuidados, objetivando integrar saberes e práticas, construindo novas alternativas de atuação, visando oferecer um suporte maior na tarefa do cuidar. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.