Na violência contra a mulher a lei mete a colher

Francielle Viana Dias, Michelle Batista dos Santos, Claudilene da Costa Ramalho

Resumo


A violência contra a mulher não é algo recente, estando a mesma atrelada a ordem patriarcal de gênero vigente. Nesse sentido, esse artigo visa compreender a percepção do município de Teófilo Otoni sobre a violência doméstica contra mulheres e a Lei Maria da Penha em 2016. Como metodologia foi utilizada a abordagem qualitativa em forma de pesquisa de opinião e exploratória. O resultado dessa pesquisa evidenciou que embora a Lei Maria da Penha seja de 2005, porém muitos conhecem superficialmente essa Lei e especificamente desconhecem uma das principais conquistas da mesma que foi a tipificação da violência contra a mulher, em psicológica, física, moral e patrimonial. Concluiu-se que essa violência configura-se como uma das expressões da questão social, indispensável de ser enfrentada.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.