A política de educação permanente na gestão do trabalho no suas

Izabel Cristina Dias Lira, Janaína Carvalho Barros

Resumo


Este artigo analisa a formação indicada na Política Nacional de Educação Permanente, vinculada à necessidade de construir um perfil de trabalhador que atenda à nova concepção e estruturação, preconizadas nos marcos regulatórios da Política de Assistência Social. Nestes, a gestão do trabalho e a política de educação permanente são consideradas áreas estratégicas e prioritárias no sentido de viabilizar a profissionalização e valorização dos trabalhadores. Também procura identificar as tendências que vêm se materializando no Programa de Capacitação dos Trabalhadores do SUAS (CapacitaSUAS), a partir de seus projetos pedagógicos e experiência em andamento no estado de Mato Grosso.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.