Políticas sociais em pequenos municípios: fundo público como diferencial no desenvolvimento

Edemar Rotta, Ivann Carlos Lago, Caroline Hentges

Resumo


O artigo analisa a aplicação do fundo público em políticas sociais em pequenos municípios do Noroeste do Rio Grande do Sul, no período compreendido entre 1997 e 2015, visando estabelecer possíveis correlações com a dinâmica de desenvolvimento dos mesmos. Guia-se pelas premissas do método materialista histórico dialético no trabalho com os dados das contas municipais, disponíveis no site da Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Demonstra-se e compara-se os dados, visando identificar possíveis correlações com os indicadores do Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM). Constata-se tendência de crescimento dos valores totais; ampliação dos percentuais em 88,6% dos municípios; repercussões diretas nos indicadores de desenvolvimento, com destaque para longevidade e educação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.