Categoria trabalho: de sua ontologia ao sistema capitalista

Laís Vila Verde Teixeira, Mayara Simon Bezerra, Maria Cristina Piana

Resumo


Recorrendo a categoria trabalho como ponto de partida, e compreendendo-o como atividade eminentemente humana, apresentamos uma reflexão teórica para discutir esta temática e posteriormente compreender a complexificação do trabalho no sistema capitalista de produção. Enquanto trabalho ontológico, o homem tem posse dos seus meios de produção, conhece o processo de trabalho e se reconhece no produto de seu trabalho. Em contrapartida, o trabalho configurado nos moldes do capitalismo, os meios de produção pertencem ao capitalista, o trabalho se torna alienado ao homem e o mesmo não se reconhece no produto do seu trabalho. A construção deste artigo resultou de pesquisa bibliográfica apresentando a categoria trabalho numa perspectiva crítica a partir do referencial teórico marxiano.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.