O MERCADO DE SAÚDE NO BRASIL: A APROPRIAÇÃO E A EXPROPRIAÇÃO DO ENVELHECIMENTO, A PARTIR DA TEORIA MARXIANA

Elda Coelho de Azevedo Bussinguer, Renata Pinto Coelho Vello

Resumo


Trata-se de pesquisa sobre o mercado de saúde no Brasil e sua relação com os aspectos geracionais.  Investigou-se, em que medida o modo de produção capitalista apropria-se e expropria-se do envelhecimento, em um movimento contraditório e dialético, e se isso ofende direitos humanos fundamentais, no Estado Democrático de Direito, a partir da Teoria Marxiana. Analisou-se se o capitalismo apropria-se do envelhecimento para a renovação do capital, atraindo investimentos para o setor privado de saúde. Examinou-se também, a preocupação da sociedade com a longevidade, bem como, a expropriação do idoso como sujeito social. Utilizou-se como abordagem metodológica o materialismo histórico dialético, de Karl Marx.

Palavras-chaves: Envelhecimento; Saúde; Mercado; Apropriação; Expropriação.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.