A EXPANSÃO DAS COMUNIDADES RETAPÊUTICAS NO BRASIL NO CONTEXTO NEOLIBERAL

Pollyana Tereza Ramos Pazolini

Resumo


O presente texto tem o objetivo de refletir sobre o fortalecimento das Comunidades Terapêuticas (CTs) na Política de Saúde Mental e Drogas diante do atual contexto do neoliberalismo e de reconfiguração das políticas sociais. Verifica-se que em um cenário de congelamento dos gastos com a saúde pública ocorre a ampliação do financiamento das CTs. Infere-se que essa expansão tem relação com as articulações realizadas no âmbito no Poder Legislativo e Executivo. Em uma conjuntura desfavorável para as pautas progressistas, temos o grande desafio de organização dos movimentos sociais para disputar a direção dessa política e lutar pela implantação de Políticas de Saúde Mental e Drogas que sejam comprometidas com os princípios da Reforma Psiquiátrica e da Reforma Sanitária.

Palavras-chave: Comunidades Terapêuticas; Política Social; Saúde Mental e Drogas.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.