EDUCAÇÃO AMBIENTAL CRÍTICA E A GESTÃO AMBIENTAL PÚBLICA: O CONTROLE SOCIAL DO ORÇAMENTO PÚBLICO

Sandra Rangel de Souza Miscali, Isroberta Rosa Araújo

Resumo


O presente artigo apresenta o relato de experiência referente a experiência de uma oficina pedagógica sobre orçamento público realizada dentro de um projeto de Educação ambiental crítica (LOUREIRO, 2010; QUINTAS. 2002) voltado para a organização comunitária. A experiência foi pautada numa relação dialógica, levando em consideração a realidade dos comunitários participantes (FREIRE, 1987). O objetivo da atividade pedagógica consistia em fomentar o controle social, bem como a participação da comunidade nas decisões referentes a gestão ambiental pública. Após a aplicação das oficinas foi possível identificar o aumento da apresentação pelos comunitários, além da aprovação de propostas no orçamento público (LOA e LDO) e sua execução durante o ano fiscal.

Palavras–chave: Gestão ambiental pública; Participação; Controle social; Orçamento público.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.