CONTRIBUIÇÕES DA FENOMENOLOGIA NO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO DO EDUCANDO NAS ALTAS HABILIDADES/SUPERDOTAÇÃO: EXPERIÊNCIAS EM FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Maria Amélia Barcellos Fraga, Vitor Gomes

Resumo


A ampliação no modo de olhar as habilidades mentais leva autores a
considerar que há necessidade da revisão dos instrumentos e estratégias
educacionais para identificação das AH/SD, que para além de testes
psicométricos, deve levar em conta diferentes aspectos do indivíduo na
percepção de suas habilidades, desmistificando estereótipos e mitos acerca
desses educandos (FLEITH, 2007; VIRGOLIM, 2007; PEREZ, 2009;
RENZULLI, 2014). Os novos desafios trazidos pelo processo de inclusão
escolar evidenciaram a necessidade de se repensar, continuamente, a
formação dos professores que atuam com educandos identificados nessa área,
além de dar cumprimento ao que preconiza a Política Nacional de Educação
Especial na Perspectiva da Educação Inclusiva (BRASIL, 2008). Esse estudo
visa desvelar dois encontros formativos vivenciados por professores
especializados, de uma Rede Municipal de Ensino, sob o olhar da
Fenomenologia eidética (HOLANDA, 2003), no intuito de se refletir sobre as
práticas pedagógicas do AEE, a fim de qualificar o processo de identificação e
atendimento dos educandos nas AH/SD, por meio das contribuições do método
fenomenológico. Os professores especializados desvelaram práticas
educacionais compatíveis com as necessidades dos educandos nessa área,
com vistas ao enriquecimento de suas habilidades e do seu bem estar na
escola, além de evidenciarem a necessidade de compreensão dos educandos
nas AH/SD em seus aspectos multidimensionais, em uma demonstração de
que é necessário compreendê-los qualitativamente como indivíduos com
particularidades, com atitude aberta para um mundo em constante movimento.
Palavras-chave: método fenomenológico; altas habilidades/superdotação;
inclusão escolar.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.