Heitor Villa-Lobos: um músico em formação nos primeiros anos da República Velha

Washington Luiz Sieleman Almeida

Resumo


O objetivo deste artigo é situar a época na qual Villa-Lobos inicia sua formação musical e sua carreira artística, como compositor, com a intenção de mapear as principais transformações sócio-políticas-econômicas e culturais e relacioná-las com sua possível influência no processo de adoção de um novo parâmetro de identidade cultural brasileira. Para tanto estabelece um diálogo entre as teorias culturais e sociais emergentes, além de conceitos clássicos e o projeto de modernização da Primeira República. Busca compreender, ainda, como a adoção de um gosto cultural verticalizado - ou seja, estabelecido por uma elite econômica e cultural - e o processo de urbanização do Rio de Janeiro, capital da recém fundada República, influenciaram no surgimento e desenvolvimento de novos estilos musicais, tanto na música dita erudita, como na música popular, fatores que estão diretamente ligados à formação do caráter musical e inventivo de Villa-Lobos.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.