ESTADO, FAMÍLIAS E PROTEÇÃO SOCIAL: A RESPONSABILIDADE É DE QUEM?

  • ROSEMEIRE DOS SANTOS

Resumo

Resumo: O trabalho propõe a reflexão sobre Estado, famílias e proteção social, frente à crise do capital, que impõe as responsabilidades à instituição família. Compreendendo que a família é uma instituição antiga na sociedade e que nos ciclos de vida e sobrevivência humana sempre exerceu função protetiva, todavia, num Estado neoliberal, a família é chamada à responsabilidades de cuidado e proteção social ainda maiores, consequências de uma crise intensa do capital, em que o Estado anuncia cortes orçamentários, e coloca  famílias à situações vulneráveis com responsabilidades impostas pelo Estado, quando esse, deveria ser o maior responsável pela proteção social.

Palavras-chave: Estado. Proteção Social. Famílias.

Publicado
2019-05-21
Seção
Mesa coordenada Política social e família: a proteção social no contexto de crise do capital