A PROTEÇÃO SOCIAL EM TEMPOS DE ACIRRAMENTO DO CAPITAL: A FAMÍLIA COMO RECURSO ESTRATÉGICO

Autores

  • POLIANA DE OLIVEIRA CARVALHO

Resumo

Resumo: Este artigo tem o objetivo de realizar um estudo com base em levantamento bibliográfico sobre a proteção social no capitalismo. No Brasil, a proteção social sequer se universalizou, característica essa que é comum na América Latina, vem sendo desmantelada em prol das necessidades do capital, sob a justificativa da estabilidade econômica dos países. Diante da retração do Estado, principalmente no financiamento da assistência social, tona-se mais evidente o caráter familista dessa política social no Brasil, naturalizando as desigualdades sociais e a culpabilização as famílias.

Palavras-chaves: Proteção social; Família; Assistência Social.

Publicado

2019-05-21

Edição

Seção

Comunicações orais - Política Social e Serviço Social