MITO DA DEMOCRACIA RACIAL E ESTADO BRASILEIRO: A MATERIALIDADE DA FANTASIA

  • SUELLEN SILVA DA CRUZ

Resumo

Resumo: O presente escrito é um esforço para demonstrar quais são as bases para a organização do mito da democracia racial e como o Estado é o responsável por fornecer um campo fértil para a disseminação dos mitos, ao ponto do discurso falacioso de uma democracia racial no Brasil estar enraizado nas relações sociais cotidianas e contribuir, ativa e passivamente, para o modelo de exploração capitalista.

Palavras-chave: Mito da democracia racial; racismo; Estado; hegemonia.

Publicado
2019-05-21
Seção
Comunicações orais - Serviço Social, Relações de Exploração/Opressão de Gênero, Raça/Etnia, Sexualidades