POSITIVISMO, FENOMENOLOGIA E SERVIÇO SOCIAL: CRÍTICA ÀS EXPRESSÕES CONTEMPORÂNEAS DO CONSERVADORISMO

  • JORGE VINÍCIOS SILVA GONDIM
  • JOSINETE DE CARVALHO BEZERRA
  • RAFAELA RIBEIRO SARAIVA DA COSTA

Resumo

Resumo: O texto abaixo discute a influência do positivismo e da fenomenologia no Serviço Social, em seu processo de consolidação no Brasil. A metodologia do estudo nutriu-se de uma revisão bibliográfica, em livros e artigos científicos, no Serviço Social e áreas correlatas, como a filosofia e a sociologia. A dimensão conservadora das matrizes teóricas, alinhadas com o avanço das ideias neoliberais no país, são debatidas ao final do texto, com o objetivo de contribuir para a construção de um debate profissional e acadêmico crítico, enfatizando a emergência do desenvolvimento de estratégias de enfrentamento na atual conjuntura.

Palavras-chave: Positivismo; Fenomenologia; Serviço Social; Conservadorismo; Questão Social.

Publicado
2019-05-21
Seção
Comunicações orais - Serviço Social, Fundamentos, Formação e Trabalho Profissional