As tecnologias digitais no ensino do esporte em debate na formação continuada de professores

  • Jalber Boa Camilo

Resumo

Para elaboração de um trabalho acadêmico cuja pretenção se assenta em organizar uma formação continuada como meio para fomentar discussões e reflexões sobre as tecnologias digitais no processo de ensino e aprendizagem, optamos por estabelecer um diálogo com Behrens (2013), Sampaio e Leite (2012) e Coll, Mauri e Onrubia (2012) para incrementar as possibilidades de aproximação das tecnologias como mediadoras do processo de ensino e aprendizagem do esporte, durante o curso de formação continuada. Nesse sentido, Behrens (2013) defende que tanto o aluno quanto o professor devem atuar em conjunto, assumindo o processo de ensino e aprendizagem como um momento de trabalho colaborativo em que seja favorecida a construção de conhecimentos significativos em torno do conteúdo abordado (que no âmbito desta pesquisa está atrelado ao fenômeno esportivo), a partir de um projeto educativo que fomente a problematização, a curiosidade, o trabalho coletivo e a autonomia para a construção de conhecimentos. Tais pressupostos, conforme destaca a autora, possibilita aos alunos a elaboração de uma visão de totalidade e complexidade, além da aquisição de competências e habilidades para o exercício da cidadania.

Edição
Seção
Eixo 4 - Políticas de formação, valorização e condições de trabalho dos profissionais da educação