INCLUSÃO ESCOLAR NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL: DAS PERCEPÇÕES DOCENTES AOS DESAFIOS E POSSIBILIDADES

  • Sirlei Ferreira da Silva Goularte

Resumo

O texto é parte da pesquisa Inclusão e prática docente na educação profissional, no Programa de Mestrado em Ensino, Educação Básica e Formação de Professores/Ufes. Objetivou analisar como a prática docente dos professores da Educação Profissional contribui para o processo de inclusão escolar de alunos com deficiência em uma Instituição Pública da Rede Federal. Fundamenta-se na abordagem qualitativa e na metodologia de estudo do tipo etnográfico. Os dados coletados a partir da técnica de grupo focal e analisados por meio da análise de conteúdo, com enfoque na perspectiva histórico-cultural. A análise das percepções docentes acerca do processo de inclusão indicou os desafios/possibilidades desse processo. Como desafios: a falta de formação para os professores do ensino regular e a falta de professores especializados para o atendimento. E possibilidades: a democratização da educação e da sociedade, a ampliação das técnicas/metodologias concernente ao ensino e o respeito às diferenças. Considerando as percepções docentes, foi possível perceber que o processo de inclusão de alunos com deficiência na Educação profissional representa um avanço e uma necessidade, possibilitando (re)pensar a escola, suas práticas pedagógicas instituídas para que todos os estudantes tenham êxito acadêmico.

Edição
Seção
Eixo 5 - Políticas de educação, diferenças e inclusão