Programa uniafro-ufop: africanidades e Brasilidades em ação

Clézio Gonçalves

Resumo


Este trabalho se propõe a interrogar a universidade brasileira e, a partir de uma discussão sobre descolonialidade do saber e das questões negras no Brasil, destacar alguns fatos históricos que marcaram a luta por ações afirmativas a partir da Lei 10.639/03. Essa Lei que atende às reivindicações dos movimentos negros para que a educação não “vire as costas” para a contribuição histórica desses povos para a constituição da cultura, da educação, dos costumes e da intelectualidade do Brasil.

Palavras-chave:  Africanidades, Universidade, Uniafro.

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.