Oh...tindolelê, oh tindolalá, deixe a caixa bater, deixe o congo rolar - contributos de infâncias em memórias afrodescendentes

Marcia Beloti, Marina Rodrigues Miranda

Resumo


Este estudo é um contributo de crianças em pesquisa de inspiração etnográfica. O corpus de investigação é compreender as relações de identidades afrodescendentes produzidas por um grupo de crianças – pesquisadores juniores em experiências com os saberes de congo. Importa compreender, se nos celeiros de congos visitados por elas, propagou-se em suas construções discursivas com os intelectuais orgânicos da cultura, memórias de historicidades africanas.

Palavras-chave: Congo; Infâncias; Memórias afrodescendentes.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.