FLAVIO-SHIRÓ, PINTURA E ABSTRAÇÃO

Claudia Stringari Piassi

Resumo


A abstração na obra de Flavio-Shiró dialoga com alguns movimentos artísticos presentes em Paris na década de 1950. Os pontos de convergências entre suas vivências, materialidade, e principalmente sua maneira de pintar dialogam com outros artistas, de períodos, épocas e locais diferentes. Esses artistas atuam de maneira performática sobre o tecido, revelando tanto na horizontalidade, quanto na verticalidade, suas atitudes e tradições.

Palavras-chave


Abstração; Gestualidade; Ação; Materialidade; Corpo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.