MOVIMENTOS SOCIAIS, NOVAS MÍDIAS E VELHAS FORMAS DE DOMINAÇÃO

  • Franciani Bernardes Universidade Federal do Espírito Santo - Vitória (ES)

Resumo

Este trabalho apresenta uma reflexão crítica sobre a ação dos movimentos sociais em ambientes digitais, suas trajetórias, enfrentamentos e limites. Além disso, objetiva identificar as potencialidades e obstáculos que o uso da internet implica na atuação dos militantes enquanto sujeitos de mudança social. Apesar de reconhecermos a força das ferramentas tecnológicas como uma nova potência comunicativa e de participação política, entendemos que há uma série de contradições que requerem a necessidade de repensar os estudos sobre as Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) no contexto da dinâmica de funcionamento da sociedade capitalista. Nosso trabalho também apresenta resultados de uma pesquisa empírica realizadas com participantes de coletivos e fóruns de abrangência estadual e nacional.

Biografia do Autor

Franciani Bernardes, Universidade Federal do Espírito Santo - Vitória (ES)
Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade San Pablo-CEU. Pós-doutoranda (PNPD/CAPES) do Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES.
Publicado
2019-06-25
Seção
Mesa Coordenada Movimentos sociais e a práxis midiática na internet: experiências e contradições