A perda da contemplação serena e a percepção colaborativa num piscar de olhos

Alexandre Emerick Neves

Resumo


A partir dos modos de figurar o corpo, procuro discutir a noção de presença na experiência artística como algo indissociável da ideia de colaboração. Com a proposição de uma discussão ampliada sobre a presença colaborativa do espectador, busco certa aproximação do pensamento fenomenológico com os comentários de Didi-Huberman sobre o característico anacronismo no pensamento de Aby Warburg. Para esquivar-me da concentração nas especificidades de certas propostas contemporâneas, submeto a inclinação do corpo em figurar-se a um olhar histórico mais amplo, desde a figuração clássica à apreensão da presença do espectador como corpo figurado em obra.


Palavras-chave


Corpo; presença; contemplação; colaboração

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Alexandre Emerick Neves