A Geopolítica da produção do espaço: localização da hidrelétrica da Itaipu Binacional

Edson Belo Clemente de Souza

Resumo


O presente artigo tem como objetivo contextualizar a geopolítica da construção da Hidrelétrica da Itaipu Binacional e a sua inerente produção do espaço, ao considerar o território como base para as atividades econômicas. A estratégia da localização do empreendimento está atrelada aos fatores históricos que marcaram a relação diplomática entre Brasil e Paraguai. Para entender o processo pelo qual o Estado atua e como ocorre a apropriação e produção do espaço foram analisados os conteúdos dos Planos Nacionais de Desenvolvimento, com destaque para os enfoques setoriais. O período analisado compreende desde o projeto até a criação do Lago de Itaipu. O espaço é incorporado para a produção de energia elétrica provocando sua alteração e sua continua reprodução. Metodologicamente optou-se por uma revisão bibliográfica de autores que debatem o papel do Estado na produção do espaço e de outros que elucidam a realidade brasileira no período desenvolvimentista, enfocando o setor energético como crucial para a dinâmica capitalista. O embate político entre o Brasil e o Paraguai é antigo, no entanto, a possibilidade da utilização de um maior volume de energia de Itaipu, condição fundamental para a industrialização do país, marca o início de um novo tempo entre Brasil e Paraguai.

 

 

The Geopolitics of Production of Space:location of Itaipu Binacional Hydroelectric

Abstract

Hydroelectric and its inherent production of space, considering the territory as a base for economic activities. The strategy of the location of the project is linked to historical factors that have marked the diplomatic relations between Brazil and Paraguay. To understand the process by which the State operates and how the ownership and production of space occur, we analyzed the contents of National Development Plans, especially the sectoral approaches. The period analyzed ranges from design to creation of the Itaipu Lake. The space is built for the production of electricity causing its change its continued reproduction. Methodologically it was decided to review the literature of authors who discuss the State role in the production of space and also to review the literature of others that shed light on the Brazilian situation during developmental, focusing on the energy sector as crucial to the dynamics of capitalism. The political struggle between Brazil and Paraguay is old, although, the possibility of using a greater amount of energy from Itaipu, a fundamental condition for the industrialization of the country, marks the beginning of a new time between Brazil and Paraguay.


DOI: 10.7147/GEO9.1356


Palavras-chave


Itaipu Binacional; produção do espaço; geopolítica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.7147/GEO9.1356

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2175-3709 (versão eletrônica)
ISSN: 1518-2002 (versão impressa)
DOI: 10.7147/GEO00.0000
____________________________________________________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________________________________________________

Locations of visitors to this page