Foco e Escopo

Litteræ nasce com o intuito de oferecer à comunidade acadêmica brasileira um espaço de divulgação e debate acerca de temas voltados para o ensino de línguas e literaturas. Percebendo que, ainda que haja muitos periódicos nacionais e internacionais direcionados para a veiculação de pesquisas científicas sobre línguas e literaturas, não há uma quantidade significativa de publicações especializadas na reflexão sobre o ensino, tanto de língua e literaturas de língua portuguesa quanto de línguas e literaturas estrangeiras, nos vários segmentos educacionais, os editores desta revista eletrônica esperam contribuir com o intercâmbio entre os profissionais que se dedicam à importante tarefa de ensinar língua e literatura em nosso país.

Litteræ é um periódico semestral, de caráter cultural e científico, cujo objetivo é facultar aos pesquisadores da área de ensino de línguas e literaturas, nacionais e estrangeiros, a publicação de trabalhos acerca de questões linguísticas e literárias, de caráter teórico e/ou prático, pertinentes ao ensino; relatos de experiências; análise e/ou produção de material didático e paradidático; tradução e outros instrumentos didáticos.

Processo de Avaliação pelos Pares

Litteræ publica artigos inéditos e resenhas críticas acerca do ensino de línguas e literaturas. Os textos podem ser redigidos em alemão, espanhol, francês, inglês, italiano ou português. Citações em idioma que não empregue o alfabeto latino devem, de preferência, ser transliteradas; no entanto, caso seja imprescindível a utilização de outros caracteres, a fonte deverá ser enviada em anexo ao texto.

Os artigos devem ser encaminhados em versão definitiva, já revisados e digitados com espaçamento 1,5, página formato A4 e tipologia Times New Roman corpo 12, com no mínimo 10 e no máximo 15 laudas, incluindo as referências bibliográficas. Ao final dos artigos devem vir as “referências bibliográficas” (não “bibliografia”), elaboradas de acordo com as normas da ABNT. Recomenda-se o mesmo conjunto de normas para a citação no corpo do texto. Os articulistas estrangeiros podem adotar as normas correntes em seus países ou instituições. Cada artigo deve vir acompanhado de dois resumos de até duzentas (200) palavras, um em inglês e outro na língua original do texto, apresentando em destaque suas palavras-chave.

As resenhas críticas devem versar acerca de livros de interesse para o ensino de línguas e literaturas, lançados em primeira edição há não mais que cinco anos. As resenhas devem ser encaminhadas em versão definitiva, já revisadas e digitadas com espaçamento 1,5, página formato A4 e tipologia Times New Roman corpo 12, com no mínimo 2 e no máximo 5 laudas. O subtítulo da resenha deve ser a referência completa ao livro resenhado, incluindo número da edição, ano de publicação, organizador/tradutor, caso haja, e número de páginas.

Os textos submetidos recebem dois pareceres anônimos emitidos por membros do Conselho Consultivo ou por consultores ad hoc. Serão publicados os trabalhos que receberem pareceres positivos e referendados pelos membros da Comissão Editorial. Nos casos em que os pareceres forem favoráveis à publicação, o trabalho só será publicado após o autor incorporar as sugestões eventualmente apontadas pelos pareceristas. Os artigos ou resenhas devem ser inéditos e adequados ao perfil da revista.

Periodicidade

Litterae será publicada semestralmente, nos meses de janeiro e agosto.

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.