Realidade mediada: compreendendo qualidades restauradoras de ambientes através da fotografia

Maíra Longhinotti Felippe, Ariane Kuhnen, Bettieli Barboza da Silveira, Camila Klein

Resumo


DOI:10.12957/psi.saber.soc.2017.25083

RESUMO: O uso da técnica fotográfica tem atraído cada vez mais a atenção de pesquisadores no campo disciplinar da psicologia de modo geral e, especificamente, nos estudos das relações humano-ambientais, tais quais aqueles dedicados à investigação de ambientes restauradores: ambientes que permitem ou promovem a recuperação de recursos psicofisiológicos e sociais alterados pelas condições da vida cotidiana. Face às potencialidades de uso da fotografia nesse âmbito de estudo e à escassez de trabalhos sobre o tema no Brasil, o presente artigo objetiva apresentar a aplicação de técnicas fotográficas em duas investigações executadas em hospitais, acerca da capacidade restauradora de ambientes, e dedicadas ao exame da restauração a partir da condição de estresse. O Estudo 1 percorre o espaço de um hospital de custódia e tratamento psiquiátrico, localizado na Região Sul do Brasil, e discute a aplicação de imagens na função autofotográfica associada a entrevistas com funcionários da instituição. O Estudo 2 envolve pacientes pediátricos em quartos de internação de hospitais gerais no norte da Itália e apresenta a execução de entrevistas a partir da fotografia em sua função modelo. O artigo também introduz algumas modalidades de uso da fotografia em pesquisas psicológicas, possibilidades de análise, revisa aplicações da técnica fotográfica em estudos sobre ambientes restauradores e aponta potencialidades e limitações metodológicas relativas.

Palavras-chave: fotografia; ambientes restauradores; restauração; hospital; estresse.

ABSTRACT: The use of photographic techniques has increasingly attracted researches’ attention in the disciplinary field of Psychology generally and, specifically, in the study of human-environmental relationships, such as those dedicated to the research on restorative environments: environments that allow or promote recovery of psychophysiological and social resources altered by the conditions of everyday life. Given the potential use of photography in this area and the lack of studies on the subject in Brazil, this article presents the application of photographic techniques in two investigations about the restorative capacity of environments. Such studies were performed in hospitals and examined the restoration from the stress condition. Study 1 examines the space in a custody and psychiatric treatment hospital, located in Southern Brazil, and discusses the application of images, which were produced by the participants, associated with interviews with staff of the institution. Study 2 involves pediatric patients in general hospital inpatient rooms in North Italy and presents interviews from photographs used in a model function. The article also introduces some modes of photography use in psychological research, analysis possibilities, it reviews applications of photographic technique in studies on restorative environments and it points out their methodological strengths and limitations.

Keywords: photography; restorative environments; restoration; hospital; stress.

 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.