Musicalização na Educação Infantil: o “Choro” como um ritmo brasileiro e ferramenta de linguagem no processo de ensino/aprendizagem

Alex Stefani dos Santos, Jefferson Tlaes, Cláudia Araújo de Lima

Resumo


Resumo: A musicalização e o ensino de música na Educação Infantil tratam, em situação específica, de aspectos articulados à contextualização histórica do ritmo “Choro”. Através da análise de artigos selecionados, desvelam-se duas principais tendências que norteiam o ensino de música para esse momento da educação, sendo que uma prioriza os elementos técnicos da música, enquanto a outra entende a musicalização como uma forma de linguagem em que a criança se apropria para compreender o mundo e a si mesma, bem como para produzir cultura. A concepção de música como uma forma de linguagem transita entre diferentes conteúdos, compreendendo o processo educativo que envolve a criança de maneira integral e articulando o ritmo musical brasileiro como elemento de importância sincrética no processo de formação da criança.

Palavras-chave: Arte e Educação; Ensino de Música; Educação Infantil; Educação Integral.

 

Resumen: La musicalización y enseñanza de la música en la Educación Infantil tratan específicamente, de aspectos articulados a la contextualización histórica del ritmo “Choro”.  Analizando los artículos seleccionados, se conocen dos tendencias principales que guían la enseñanza de la música para la educación actual, siendo que una prioriza los elementos técnicos de la música mientras que la otra entiende la musicalización como una forma de lenguaje en que el niño se apropia para entender al mundo y a sí mismo, así como para producir cultura. El concepto de música como forma de lenguaje, transita diferentes contenidos, comprendiendo el proceso educativo que incluye al niño de manera integral, articulando el ritmo musical brasileño, como elemento importante en el proceso de formación del niño.

Palabras clave: Arte y Educación; Enseñanza de la Música; Educación Infantil; Educación Integral.

 

Abstract: The musicalization and teaching of music at Early Childhood Education deals specifically with aspects related to the historical context of “Choro” rhythm. Through the analysis of the selected articles, two main trends that guide the current music education action are unveiled, one that prioritizes the technical elements of music, and another that understands musicalization as a form of language that the child appropriates to understand the world and themselves, as well as to produce culture. The conception of music as a form of language, transitions between different contents, comprising the educational process that involves the child as whole, considering the Brazilian musical rhythm as an important element to child's formation.

Keywords: Art and Education; Music Education; Early Childhood Education; Integral Education.


Texto completo:

PDF

Referências


ALBINO, C.; LIMA, S. R. A., C. (2011). “O percurso histórico da improvisação no ragtime e no choro”. Per Mussi, Belo Horizonte, n.23, pp.71-81.

BARBOSA, M. F. S. (2007). Música na educação infantil: reflexões e proposta didática para professores não-especialistas. Disponível em:

http://www.acervodigital.unesp.br/bitstream/123456789/450/1/01d14t07.pdf

BRITO T. A. (2003). Música na educação infantil proposta para forma integral da criança. São Paulo: Peirópilis.

BRASIL (1998). Referencial Curricular Nacional para a Educação Infantil. Ministério da Educação, Secretaria de Educação Fundamental. MEC/SEF, Brasília, pp.43-82. (Música, v.3).

LARA FILHO, I. G.; SILVA, G. T. da; FREIRE, R. D. (2011). “Análise do contexto da roda de choro”. Per Mussi, Belo Horizonte, n.23, pp.148-161.

OLIVEIRA, D. A. (2001). “Musicalização na educação infantil”. Educação Temática Digital, Campinas, v.3, n.1, pp.98-108, dez..

SÉVE, Mário (2014). O fraseado do choro: algumas considerações rítmicas e melódicas. Anais do III Simpósio Brasileiro de Pós-Graduandos em Música.

SOUZA, C. E.; JOLY, M. C. L. (2010). “A importância do ensino musical na educação infantil”. Cadernos da Pedagogia, São Carlos, Ano 4, v.4, n.7, pp.96-110, jan-jun.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.




_____________

ISSN: 2316-1620

_____________

QUALIS:

Interdisciplinar B2

Administração B3

História B3

Sociologia B4

Antropologia B4

Ciência Política B5

____________________________________________________________________________________________________

INDEXADORES e DIRETÓRIOS

                                                

                                            

                                

   ____________________________________________________________________________________________________
NAS REDES SOCIAIS:
 
       

____________________________________________________________________________________________________

ciências humanas e sociais