SUBURBANOS INFELIZES, FAVELADOS DESPEJADOS: O ENSINO DE CIDADE ATRAVÉS DA LITERATURA NEGRA.

  • Bruno Luis De Souza Felix dos Santos Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

Resumo

O espaço urbano é cheio de complexidades que se materializam na sua forma mais empírica que é a cidade. Através dela tornam-se perceptíveis inúmeras contradições geradas pelo desenvolvimento urbano. Os sujeitos que compõe a cidade também são múltiplos, contudo, nem todos estão em evidência por conta do processo de segregação socioespacial que cria “personagens principais” em detrimento de “personagens coadjuvantes”, ou seja, os que têm e os que não têm direito à cidade. Sendo a cidade um dos principais objetos de estudo da Geografia, o ensino dessa ciência como disciplina escolar precisa estar comprometido em incluir no seu processo de ensino-aprendizagem a apropriação dos espaços urbanos por todos, numa perspectiva multicultural, sobretudo por aqueles que são apartados socialmente, que muitas vezes não se veem como agentes modificadores do espaço.

 
Publicado
2019-12-08
Seção
GT-17: Geografia e Apropriação Urbana: Ensino de Cidade e das Comunidades Tradicionais