MIGRAÇÕES, REDE URBANA E TRANSPORTE RODOVIÁRIO INTERESTADUAL DE PASSAGEIROS ENTRE PARANÁ E RONDÔNIA

  • Bruno Candido dos Santos Universidade de São Paulo

Resumo

O transporte rodoviário de passageiros engendrou um conjunto importante de deslocamentos de pessoas pelo território nacional desde a segunda metade do século XX e contribuiu de forma central com a dinamização dos fluxos migratórios que percorreram o país para integrá-lo e povoá-lo. Apesar do arrefecimento de tais migrações nos últimos anos, as linhas rodoviárias interestaduais com longas extensões ainda persistem, pois são dotadas de importante função social para a mobilidade no território brasileiro ao interligar centralidades relevantes na rede urbana nacional. Portanto este artigo debaterá o transporte rodoviário interestadual de passageiros no contexto de intensificação dos fluxos migratórios de sulistas do oeste paranaense com destino ao estado de Rondônia, utilizando um conjunto de linhas entre esses estados como referência para reflexões e discussões acerca da dinâmica da urbanização brasileira.
Publicado
2019-12-02
Seção
GT-5: Mobilidade, migração e espaço urbano