O declínio do Comperj: repercussões sobre a dinâmica imobiliária urbana da cidade de Itaboraí

  • Guilherme Muniz Universidade Federal Fluminense

Resumo

O presente trabalho tem como objetivo geral tecer uma breve análise das consequências sobre a dinâmica territorial urbana do município metropolitano de Itaboraí oriundos da instalação do Complexo Petroquímico do Estado do Rio de Janeiro (Comperj) na cidade, concedendo ênfase para as repercussões sobre o setor imobiliário, tanto residencial quanto comercial da cidade. Nessa lógica, torna-se fundamental realizar uma sucinta descrição do percurso desde a concepção, construção e declínio precoce deste grande empreendimento estatal brasileiro, promovido pela Petrobras, à luz das mudanças no processo de produção do estoque imobiliário urbano da cidade. Por fim, será discutido também o alcance deste processo de implementação do megaprojeto sobre o direito à cidade, principalmente no que tange o acesso aos serviços e equipamentos públicos no município em questão.
Publicado
2019-12-07
Seção
GT-12: Estado, grandes projetos e planejamento corporativo