RESISTÊNCIA POR OCUPAÇÕES E COMUNS: FUGINDO DO ENGESSAMENTO DO CAPITAL

  • Julia Vilela Caminha PUC-Rio

Resumo

O artigo “Resistência por ocupações e comuns: fugindo do engessamento do capital” se propõe a discutir questões teóricas acerca da circulação do capital e suas consequências nas lutas pelo direito à cidade Assim, discute-se , em um primeiro momento, a circulação do capital, como forma de contextualizar o momento atual. E, em um segundo momento, discute-se os conceitos de ocupação e comum, com intuito de demostrar a sua importância para a superação das contradições do capitalismo.

Referências

AUTOR. 2015.

CRIANÇA, A alma do negócio. Produção: Estela Renner e Marcos Nisti. São Paulo: Maria Farinha Produções, 2007. 90 min. Color. Port.

CRUZ, Mariana de Moura. O novo vocabulário do Comum – ensaio para uma leitura pós-colonial. In: XVII ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL, 2017, São Paulo. Anais.... São Paulo: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, 2017. Disponível em: <http://anpur.org.br/xviienanpur/principal/publicacoes/XVII.ENANPUR_Anais/ST_Sessoes_Tematicas/ST%209/ST%209.1/ST%209.1-03.pdf>, acesso em: 30 jan. 2019.

DARDOT, Pierre e LAVAL, Christian. Comum: ensaio sobre a revolução no século XXI. São Paulo: Boitempo, 2017.

FERREIRA, Alvaro. Metropolização do espaço, cotidiano e ação: uma contribuição teórico-metodológica. In: FERREIRA, Alvaro, RUA, João, MATTOS, Regina Célia de (Org.). Desafios da metropolização do espaço. Rio de Janeiro: Consequência, 2015. p. 69-84.

HARVEY, David. Rebel Cities: from the right to the city to the urban revolution. Londres: Verso, 2013.

HARVEY, David. A loucura da razão econômica: Marx e o capital no século XXI. São Paulo: Boitempo, 2018a.

HARVEY, David. A recusa de Marx da teoria do valor. Trad.: Ca¬rine Botelho Previatti. Geousp – Espaço e Tempo (Onli¬ne), v. 22, n. 1, p. 257-264, jan./abr. 2018b. Disponível em: <https://www.revistas.usp.br/geousp/article/download/145931/140884/>, acesso em 20 jun. 2019.

HELLER, Agnes. Una revisión de la teoría de las necesidades. Barcelona: Ediciones Paidós, 1996.

LEFEBVRE, Henri. O Direito à Cidade. São Paulo: Centauro, 2001.

LEFEBVRE, Henri. Quand la ville se perd dans la métamorphose planétaire. Le Monde Diplomatique, nº 3, fev. 2004, p. 21- 23. Tradução Sandra Lencioni.

LEFEBVRE, Henri. La producción del espacio. Madrid: Capitán Swing, 2013.

LENCIONI, Sandra. Metropolização do espaço e a constituição de megarregiões. In: FERREIRA, Alvaro, RUA, João, MATTOS, Regina Célia de (Org.). Desafios da metropolização do espaço. Rio de Janeiro: Consequência, 2015a. p. 35-68.

LENCIONI, Sandra. Totalidad y e tríades: compreendendo el pensamiento de Lefebvre. In: Mattos, Carlos de; Link, Felipe. (Org.). Lefebvre revisitado: capitalismo, vida cotidiana y el derecho a la ciudad. Santiago (Chile): RIL Editores, 2015b, p. 57-77.

MARTÍNEZ, Miguel A.. Okupaciones de Viviendas y Centros Sociales: Autogestión, Contracultura y Conflictos Urbanos. Barcelona: Virus, 2002.

MARTÍNEZ, Miguel A.; CATTANEO, Claudio. Squatting as a Response to Social Needs, the Housing Question and the Crisis of Capitalism. In: CATTANEO, Claudio e MARTÍNEZ, Miguel A. (Ed.). Squatters movement in Europe: Commons and Autonomy as Alternatives to Capitalism. Londres: Pluto Press, 2014a. p. 26-56.

MARTÍNEZ, Miguel A.; CATTANEO, Claudio. Conclusions. In: CATTANEO, Claudio e MARTÍNEZ, Miguel A. (Ed.). Squatters movement in Europe: Commons and Autonomy as Alternatives to Capitalism. Londres: Pluto Press, 2014b. p. 237-249.

MAYER, Joviano Gabriel Maia. O comum no horizonte da metrópole biopolítica. 2015. 288 f. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Arquitetura e Urbanismo) – Escola de Arquitetura, Universidade Federal de Minas Gerais, Belo Horizonte, 2015.

PRUIJT, Hans. Squatting in Europe. In: SQUATTING EUROPE KOLLECTIVE. Squatting in Europe: Radical Spaces, Urban Struggles. Nova York: Autonomedia, 2013. Pp. 17-60.

ROLNIK, Raquel. Guerra dos Lugares: a colonização da terra e da moradia na era das finanças. São Paulo: Boitempo, 2015.

TONUCCI FILHO, João B. M.; COSTA, Heloisa Soares de Moura. O comum e a metrópole brasileira: além do impasse da reforma urbana?. In: XVII ENCONTRO NACIONAL DA ASSOCIAÇÃO NACIONAL DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA EM PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL, 2017, São Paulo. Anais.... São Paulo: Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo, 2017. Disponível em: <http://anpur.org.br/xviienanpur/principal/publicacoes/XVII.ENANPUR_Anais/ST_Sessoes_Tematicas/ST%209/ST%209.1/ST%209.1-02.pdf>, acesso em: 30 jan. 2019.

TONUCCI FILHO, João Bosco Moura; MAGALHAES, Felipe Nunes Coelho. A metrópole entre o neoliberalismo e o comum: disputas e alternativas na produção contemporânea do espaço. Cadernos Metrópoles, São Paulo, v. 19, n. 39, p. 433-454, ago. 2017. Disponível em: <http://cadernosmetropole.net/artigo/389>, acesso: 20 jun. 2019.

Publicado
2019-12-05
Seção
GT-6: Território e ativismos sociais urbanos