“CIRCUITO SERRA: TRANSITANDO NA QUEBRADA” – UMA EXPERIÊNCIA EDUCATIVA COM GRUPOS SOCIOCULTURAIS JUVENIS DO AGLOMERADO DA SERRA (BH/MG)

  • Luisa Cristina Nonato UFMG
  • Aline Neves Rodrigues Alves UFMG

Resumo

O artigo visa compartilhar reflexões acerca de um projeto realizado em 2018 no Aglomerado da Serra, uma periferia urbana localizada na região centro-sul de Belo Horizonte/MG. O projeto intitulado “Circuito Serra: transitando na quebrada” consistiu no desenvolvimento de uma ação política que pudesse proporcionar o encontro e a socialização entre sujeitos, majoritariamente jovens, que compõem doze diferentes grupos socioculturais das diferentes vilas deste aglomerado Ao escutar os/as participantes, observar as múltiplas formas de apropriação e as suas territorialidades é possível evidenciar o desejo de fortalecimento de suas manifestações artístico-culturais em diálogos entre si e por meio de vínculos concisos e afetivos com o território de moradia, em oposição ao discurso reducionista da violência urbana.


Biografia do Autor

Luisa Cristina Nonato, UFMG
Graduanda em Geografia (Licencintura) pelo Instituto de Geociências da Universidade Federal de Minas Gerais e bolsista de extensão no Programa Observatório da Juventude da UFMG.
Aline Neves Rodrigues Alves, UFMG

Geógrafa e Mestre em Educação (UFMG). Co-coordenadora do Projeto Ciclo Permanente de Debates e Diálogos sobre Educação Básica. Pesquisadora do Programa Ações Afirmativas na UFMG.

Referências

ALMEIDA, Miguel Renato de. Favela, arte e juventude: pensando a relação entre ações artístico-culturais e identidade no Aglomerado da Serra em Belo Horizonte. Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais, Belo Horizonte, 2006.

BEIRÃO, Nereide. Serra. BH a cidade de cada um. Belo Horizonte, Conceito, 2012.

BUTLER, Judith. Vida precária. Contemporânea – Revista de Sociologia da UFSCar. São Carlos, Departamento e Programa de Pós-Graduação em Sociologia da UFSCar, 2011, n.1, p. 13-33.

CHARLOT, Bernard. Da relação com o saber: Elementos para uma teoria. Porto Alegre: Artmed, 2000

_______. Da relação com o saber às práticas educativas. São Paulo: Cortez, 2013.

DAYRELL, Juarez Tarcísio. Por uma Pedagogia das Juventudes: experiências educativas do Observatório da Juventude da UFMG. Belo Horizonte. Mazza Edições, 2016.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996

______. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 36. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2000.

GUIMARÃES, Berenice Martins. Cafuas, barracos e barracões: Belo Horizonte, cidade planejada. 1991.Tese (Doutorado) - Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro – IUPERJ. Rio de Janeiro.

DIJK, Teun A. van. Discurso e Contexto: Uma abordagem sociocognitiva. (Tradução: Rodolfo Ilari). SP: Editora Contexto, p. 330, 2012.

Publicado
2019-12-07
Seção
GT-10: Práticas culturais na produção da cidade