EMERGÊNCIA DO SERVIÇO SOCIAL NO ESPÍRITO SANTO

Raquel Mota Mascarenhas, Gabriella de Souza Xavier

Resumo


O objetivo deste artigo é socializar os resultados da pesquisa bibliográfica e documental que buscou apreender a relação entre “questão social” e Serviço Social no estado brasileiro do Espírito Santo entre 1940 e 1960. Para tal, em recusa a uma perspectiva endógena, destaca as particularidades da formação social estadual em que emerge o Serviço Social, observando sua institucionalização, principais demandas e sujeitos envolvidos neste processo. Dessa forma, conclui-se que a origem dessa profissão tange ao redimensionamento da economia e das estruturas estatais no Espírito Santo, processo iniciado na década de 1950, período em que as expressões da “questão social” se tornaram mais visíveis com a industrialização e a urbanização. Visa-se, portanto, contribuir para a análise acerca dos fundamentos sócio-históricos do Serviço Social no Espírito Santo, em que se tenha como foco a “questão social”.

 


Palavras-chave


Espírito Santo.“Questão Social”. Serviço Social.

Texto completo:

PDF

Referências


ABEPSS. Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social. Diretrizes gerais para o curso de Serviço Social: com base no currículo mínimo aprovado em assembleia geral extraordinária de 8 de novembro de 1996. Rio de Janeiro: ABEPSS, 1996.

ABREU, Carol. O desejo da conquista. In: VASCONCELOS, J. G. (Org.). Vitória: Trajetórias de uma cidade. Vitória: IHGES, 1993.

ALMADA, Vilma Paraíso Ferreira de. Escravismo e transição: o Espírito Santo (1850-1888). Rio de Janeiro: Graal, 1984.

BITENCOURT, Gabriel Augusto de Mello. História geral e econômica do Espírito Santo: do engenho colonial ao complexo fabril-portuário. Vitória: Multiplicidades, 2006.

CARNOY, Martin. Estado e Teoria Política. 3. ed. Campinas: Papirus, 1990.

CASTEL, Robert. As metamorfoses da “questão social”: uma crônica do salário. Trad. Iraci Poleti. 6 ed. Petrópolis: Vozes, 1998.

CERQUEIRA FILHO, Gilásio. A questão social no Brasil: crítica do discurso político. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1982.

CISNE, Mirla. Divisão sexual do trabalho na ordem “sociometabólica” do capital – uma análise necessária para a emancipação das mulheres. In: CISNE, Mirla. Gênero, divisão sexual do trabalho e serviço social. 2 ed. São Paulo: Outras Expessões, 2015.

COLBARI, Antônia. Família e trabalho na cultura dos imigrantes italianos. In: CASTIGLIONI, Aurélia H. (Org.). Imigração Italiana no Espírito Santo: uma aventura colonizadora. Vitória: UFES, 1998.

_____. Imigrantes Italianos no Espírito Santo. Revista Brasileira de História, São Paulo, v. 17, n. 34, 1997.

GRAZZIOTTI, Marinete Simões. Dever do Estado e direito do cidadão: as políticas públicas no governo varguista no Espírito Santo (1930-1945). 2006. Dissertação (Mestrado em História). Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2006.

GRIJÓ, Geny. A Assistência Social no Espírito Santo. Vitória: LBA, 1967.

IAMAMOTO, Marilda Vilela. A “questão social” no capitalismo. Revista Temporalis, Porto Alegre, ano II, n. 3. 2001.

IAMAMOTO, Marilda Vilela; CARVALHO, R. de. Relações sociais e serviço social no Brasil: esboço de uma interpretação histórico-metodológica. 21 ed. São Paulo: Cortez, 2008.

IANNI, Otavio. A idéia de Brasil moderno. São Paulo: Brasiliense, 1991.

MARTINS, José de Souza. Os Camponeses e a Política no Brasil. Petrópolis: Vozes, 1981.

NETTO, José Paulo. Capitalismo Monopolista e Serviço Social. 7. ed. São Paulo: Cortez, 2009.

______. Ditadura e serviço social: uma análise do serviço social no Brasil pós-64. 10 ed. São Paulo: Cortez, 2007.

PACHECO, Renato Jose Costa. Os dias antigos. Vitoria: EDUFES, 1998.

PAPA LEÃO XIII. Carta encíclica rerum novarum sobre a condição dos operários, 1981. Disponível em: . Acesso em: 01. nov. 2009.

PASTORINI, Alejandra. A categoria “questão social” em debate. Coleção Questões de Nossa Época. São Paulo: Cortez, 2004.

QUIROGA, Consuelo. Invasão Positivista no Marxismo: manifestações no ensino da metodologia no Serviço Social. São Paulo: Cortez; 1991.

ROSANVALLON, Pierre. A nova questão social: repensando o Estado-providência. Brasília, DF: Instituto Teotônio Vilela, 1998.

SANTOS, Josiane Soares. Particularidades da “questão social” no capitalismo brasileiro. 2008. Dissertação (Mestrado em Serviço Social). Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2008.

SILVA, Ivone Maria Ferreira da. Questão Social e Serviço Social no Brasil: fundamentos sociohistóricos. Cuiabá: EdUFMT, 2008.

SILVA, Marta Zorzal e. Espírito Santo: Estado, interesse e poder. Vitória: Fundação Ceciliano Abel de Almeida: UFES, Secretaria de Produção e Difusão Cultural, 1995.

______. Interesses em jogo. Revista IJSN, Vitória, ano VI, n. 2, jul./set. 1987.

SIQUEIRA, Maria da Penha Smarzaro. Industrialização e empobrecimento urbano: o caso da Grande Vitória, 1950-1980. Vitória: EDUFES, 2001

VIZA, Floresta Maria Soeiro. Reflexões sobre a evolução do Serviço Social no Espírito Santo (década de 50). 1981. Dissertação (Mestrado em Serviço Social). Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 1981.

______. Quarenta ano de serviço social no Espírito Santo – 1950/1990. Revista de Cultura da UFES, Vitória, ano XVI, n°44/45. 1990.

XAVIER, Gabriella de Sousa; MASCARENHAS, Raquel Mota. A Emergência do Serviço Social no Espírito Santo: a “questão social” em foco. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação de Serviço Social). Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, 2009.

YAZBEK, Maria Carmelita. O significado sócio-histórico da profissão. In: Curso: Serviço Social: Direitos Sociais e Competências Profissionais. Brasília: CFESS / ABEPSS / CEAD-UNB, 2009.




DOI: https://doi.org/10.22422/temporalis.2018v18n36p397-411

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


INDEXADORES:

Latindex: http://www.latindex.unam.mx/

Dialnet: http://dialnet.unirioja.es/servlet/revista?codigo=19796

IndexCopernicus: http://journals.indexcopernicus.com/passport.php?id=8544

Portal de periódicos da Ufes: http://peridicos.ufes.br

Diadorim-IBICT: http://diadorim.ibict.br/handle/1/319

LICENÇA:

CC BY https://creativecommons.org/licenses/by/4.0/