Mediação e instrumentalidade na alta complexidade cardiovascular do SUS

Autores

  • Carla Caroline Barisão Brarymi

Resumo

Este estudo trata o cotidiano da prática profissional no Sistema Único de Saúde da Região
Norte do Brasil, sustentado na teoria social critica marxista Lukacsiana nos parâmetros de atuação na
saúde do assistente social, analisa categoria mediação como núcleo racional da profissão, r efere se ao
tema como capacidade instr umental socialmente construída método de conhecimento e ruptura com:
pensar invertido da lógica capitalista , que apreende o real e transforma o dialeticamente, revestindo a
prática profissional de competência técnica proporcionando respostas propositivas as situações que lhes
são postas pela realidade de sua ação, conforme as diretrizes do Projeto Ético Político da profissão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-12-03