O trabajo social em Costa Rica: diálogo a partir da formação profissional

Autores

  • Debora de Oliveira Carvalho
  • Raquel Santos Sant’Ana
  • José Fernando Siqueira da Silva

Resumo

Este artigo discute a formação em trabajo social na maior universidade pública de Costa Rica, a UCR. O estudo compõe um conjunto de investigações envolvendo diversos países da América Latina. A partir da apreensão de que o trabajo social deve ser entendido a partir da realidade na qual se insere, far-se-á algumas considerações sobre Costa Rica com destaque para a formação e características do Estado Costarriquenho, das políticas públicas e suas relações com a gênese e desenvolvimento do trabajo social no país. Atualmente o curso de trabajo social tem saída em bacharelado e licenciatura com 4 e 6 anos de formação respectivamente. A formação está voltada para a apreensão das ênfases do trabajo social no país, a saber: assistencial, sócio educativa promocional, terapêutica e gerencial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-12-03

Edição

Seção

Comunicações Orais - Serviço social: fundamentos, formação e trabalho profissional