[1]
M. Roberts, “Monocausalidade e teoria da crise: uma resposta a David Harvey”, Geografares, nº 28, p. 36–54, abr. 2019.