O combate ao feminicídio no Estado de Pernambuco: as políticas de enfrentamento à violência de gênero

Autores

  • Priscila Maria Lapa Faculdade de Ciências Humanas de Olinda

Resumo

O crescimento do número de crimes de gênero no Brasil e, mais especificamente, em Pernambuco suscita questões relevantes no campo de diversas ciências que se voltam à explicação dos fenômenos sociais, entre elas o Serviço Social. A violência contra a mulher tem sido apontada pela ONU como uma violação dos Direitos Humanos. O assistente social é chamado a intervir na realidade da violência contra a mulher, compreendida como uma das interfaces da questão social. Este estudo, que tem como questão norteadora: “como estão estruturadas as políticas de assistência social para atuar no enfrentamento da violência contra a mulher no Estado de Pernambuco?”visa contribuir para a compreensão sobre de que forma historicamente o Serviço Social se debruça sobre essa questão; como o Brasil estruturou políticas públicas para o enfrentamento da violência de gênero contra as mulheres e como em Pernambuco se dá atualmente o funcionamento das políticas nessa área. Ao perfazer esse caminho, busca apresentar as lacunas para aprimorar o combate à violência contra a mulher, que tem apresentado dados crescentes nos últimos anos. A compreensão das causas raízes do problema também é uma contribuição dessa pesquisa, na ótica de atuação do Serviço Social.

 

The fight against feminicide in the State of Pernambuco: policies to confront gender-based violence

ABSTRACT

The growth in the number of gender crimes in Brazil and, more specifically, in Pernambuco raises relevant questions in the field of several sciences that focus on the explanation of social phenomena, including Social Work. Violence against women has been identified by the UN as a violation of human rights. The social worker is called to intervene in the reality of violence against women, understood as one of the interfaces of the social issue. This study, which has as its guiding question: "how are social assistance policies structured to act in the fight against violence against women in the State of Pernambuco?" aims to contribute to the understanding of how historically Social Work has been focusing on this question; how Brazil structured public policies to tackle gender-based violence against women and how in Pernambuco the policies in this area are currently functioning. In pursuing this path, it seeks to present the gaps to improve the fight against violence against women, which has shown increasing data in recent years. Understanding the root causes of the problem is also a contribution of this research, from the perspective of the Social Service.

Keywords: violence against women; coping network; social service.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-02-09

Edição

Seção

DOSSIÊ