O rock brasileiro dos anos 1980: qual o perfil social dos roqueiros incorporados pela indústria da música?

Autores

Resumo

Trata-se de um artigo sobre o rock brasileiro dos anos 1980, o Rock Brasil  (RB). O objetivo é identificar o perfil social de alguns dos principais integrantes das bandas que, segundo o público, a bibliografia e a crítica cultural especializada, mais se destacaram no cenário musical daquela época. A pesquisa prosopográfica demonstra que a geração de roqueiros brasileiros dos anos 1980 se caracterizou por ser formada por indivíduos jovens, brancos, do sexo masculino, detentores de alto grau de capitais econômico, social e cultural e socializados com o rock internacional. Esse perfil - que possuía alguma homologia – no mínimo na idade - com o novo consumidor, dialogou com a necessidade de renovação da indústria fonográfica do momento. Nossa inspiração teórico-metodológica vem da sociologia de Bourdieu.

 

The Brazilian rock of the 1980s: what is the social profile of roqueiros incorporated by the music industry?

ABSTRACT

This is an article about Brazilian rock from the 1980s, Rock Brasil (RB). The objective is to identify the social profile of some of the main members of the bands that, according to the public, the bibliography and specialized cultural criticism, stood out in the music scene of that time. Prosopographic research shows that the generation of Brazilian rockers of the 1980s was characterized by being young, white, male individuals, holders of a high degree of economic, social and cultural capital and socialized with international rock. This profile - which had some homology - at least in age - with the new consumer - orchestrated with the need to renew the music industry of the moment. Our theoretical and methodological inspiration comes from Bourdieu's sociology.

Keywords: Rock Brasil, Prosopography, Capitals, Pierre Bourdieu.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Jardim, unesp

Professora livre docente em sociologia.

Faculdade de Ciências e Letras da Unesp de Araraquara.

Tiago Rosa, UNESP

Mestrando no programa de pós-graduação em ciencias sociais, FCLar

Downloads

Publicado

2021-02-09

Edição

Seção

ARTIGOS