Efeito orográfico em um transecto entre Fundão e Santa teresa no Estado do Espírito Santo no ano hidrológico 2015/2016

Autores

  • Fabricio Holanda do Nascimento Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)
  • Cláudia Câmara do Vale Universidade Federal do Espírito Santo

DOI:

https://doi.org/10.7147/GEO29.24805

Resumo

Este artigo tem por objetivo avaliar a distribuição espacial das chuvas em um transecto de 18,8 km de extensão por meio de pluviômetros experimentais. Para tanto, foram confeccionados sete pluviômetros experimentais, através de cano PVC de 100 mm e uma proveta de 500 ml para coleta dos dados. Os pluviômetros foram instalados ao longo da rodovia estadual Josil Espíndula (ES 365), entre os municípios de Fundão e Santa Teresa, estado do Espírito Santo. Para a instalação dos mesmos foram considerados alguns fatores: diferentes altitudes, locais com pouca cobertura vegetal e em quintais de moradores, para evitar danificação dos equipamentos por transeuntes no local. A metodologia empregada foi satisfatória, pois permitiu identificar que a morfologia e as características geográficas do local impõem uma distribuição desigual da precipitação na área de estudo considerada. Essa pesquisa apresenta-se como pioneira em estudos de clima do Espírito Santo, não tendo sido feito ainda para outras regiões do estado.

PALAVRAS-CHAVE: Relevo, pluviômetro, chuva orográfica, climatologia geográfica. 

 

ABSTRACT

This paper aims to evaluate the spatial distribution of rainfall in an 18.8 km transect by means of experimental rain gauges. For that, seven experimental pluviometers were made, through a 100 mm PVC pipe and a 500 ml beaker to collect the data. The rain gauges were installed along the state highway Josil Espíndula (ES 365), between the municipalities of Fundão and Santa Teresa, Espírito Santo state. For the installation of the same were considered some factors: different altitudes, locations with little vegetation cover and in backyards of residents, to avoid damaging the equipment by on-site passersby. The methodology used was satisfactory, since it allowed to identify that the morphology and the characteristics of the site impose an unequal distribution of precipitation in the study area considered. This research presents itself as a pioneer in climate studies in Espírito Santo, and has not yet been done for other regions of the state.

KEYWORDS: Relief, pluviometer, orographic rain, geographical climatology.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabricio Holanda do Nascimento, Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Graduado em Geografia pela UFES (licenciatura e bacharelado); mestre em Geografia Física pela UFES; doutorando em Geografia Física, pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia da UFES; pós-graduação lato-sensu em Geoprocessamento pela PUC de Minas Gerais.

Cláudia Câmara do Vale, Universidade Federal do Espírito Santo

Professora Dra do Departamento de Geografia UFES.

Downloads

Publicado

2019-10-17

Como Citar

NASCIMENTO, F. H. do; DO VALE, C. C. Efeito orográfico em um transecto entre Fundão e Santa teresa no Estado do Espírito Santo no ano hidrológico 2015/2016. Geografares, [S. l.], n. 29, p. 71–90, 2019. DOI: 10.7147/GEO29.24805. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/geografares/article/view/24805. Acesso em: 30 nov. 2021.