TEORIA SOCIAL CRÍTICA E GEOGRAFIA: OBSERVAÇÕES SOBRE A CRÍTICA DA VIDA COTIDIANA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.7147/GEO30.26156

Palavras-chave:

Teoria social crítica, Espaço, Cotidiano.

Resumo

Com o alvorecer da geografia crítica no último quarto do século XX, foi salientado a reafirmação do espaço na teoria social crítica, especialmente o papel do espaço como força motivadora da transformação social, bem como uma virada espacial nas ciências humanas. Nesse contexto, propomos uma reflexão sobre as contribuições da teoria crítica da vida cotidiana em Lefebvre e Debord para uma aproximação com a realidade socioespacial. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo José de Góis Queiroz, Universidade Federal do Ceará - UFC

Doutor em Geografia pela Universidade Federal do Ceará - UFC

Downloads

Publicado

2020-07-08

Como Citar

QUEIROZ, R. J. de G. TEORIA SOCIAL CRÍTICA E GEOGRAFIA: OBSERVAÇÕES SOBRE A CRÍTICA DA VIDA COTIDIANA. Geografares, [S. l.], v. 1, n. 30, p. 32–54, 2020. DOI: 10.7147/GEO30.26156. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/geografares/article/view/26156. Acesso em: 30 nov. 2021.