Expansão das instituições de ensino superior e as dinâmicas espaciais intraurbanas em Montes Claros-MG

Autores

DOI:

https://doi.org/10.47456/geo.v1i32.30893

Palavras-chave:

Ensino Superior; Montes Claros; Serviços.

Resumo

O processo urbanização de Montes Claros, assim como o de muitas cidades médias brasileiras, ocorreu de maneira intensa num curto espaço de tempo. A industrialização, incentivada pelo Estado na década de 1970, foi um dos fatores responsáveis pela urbanização em Montes Claros. Passados vários anos, a indústria não representa mais a atividade preponderante na economia municipal. O terciário despontou como o mais importante e, atualmente, Montes Claros é a principal referência nesse setor na região Norte de Minas. Atividades comerciais e a oferta de serviços, notadamente na área de saúde e educação, têm alterado a dinâmica intraurbana. Assim, este artigo objetivou analisar algumas dinâmicas espaciais intraurbanas advindas da expansão das Instituições de Ensino Superior – IES em Montes Claros. A abordagem metodológica consistiu em pesquisa bibliográfica, levantamento de dados secundários, trabalhos de campo e realização de entrevistas com representantes das IES, imobiliárias e empreendimentos comerciais e de serviços no entorno das instituições, sistematização das informações e a elaboração de mapas. Como resultado, verificou-se que a expansão do Ensino Superior em Montes Claros passou a atrair pessoas de diversas localidades e, consequentemente, demandas por moradias, bens e serviços, sobretudo nas imediações das IES, dinamizando áreas específicas e nelas se concentrando, com demandas de diversas ordens e mudanças no espaço do entorno.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

CHRISTIAN YAGO VIEIRA DE SOUZA, Universidade Estadual de Montes Claros

Graduado em Geografia e Mestre em Geografia pela Universidade Estadual de Montes Claros (UNIMONTES). Professor de Geografia da rede pública estadual de Minas Gerais. 

ANETE MARILIA PEREIRA, Universidade Estadual de Montes Claros

Doutora em Geografia pela UFU; Mestre em Geografia pela UFMG; Graduada em Geografia pela Unimontes. Professora do Departamento de Geocências da Unimontes. Docente do Programa de Pós-Graduação em Geografia e do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Social da Unimontes.

Referências

ALVES, T. Geografia dos serviços. Lisboa (Portugal): Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa, 2005.

ARAÚJO, C.V. B. Ensino Superior Brasileiro: expansão e transformação a partir dos anos 1990.113f. Dissertação Mestrado em Desenvolvimento Social) Universidade Estadual de Montes Claros. UNIMONTES, 2014.

BATISTA, R. P. Segregação socioespacial e a paisagem urbana: um estudo da cidade de Montes Claros – MG. Dissertação (Mestrado em Geografia). Universidade Estadual de Montes Claros – Programa de Pós-Graduação em Geografia, Montes Claros (MG), 2017.

BRAGA, M. A. Industrialização da área mineira da Sudene. Montes Claros (MG): Editora UNIMONTES, 2008.

CORRÊA, R. L.O Espaço urbano. São Paulo: Ática, 2004.

FACIONORTE. FACULDADE DE ODONTOLOGIA DO NORTE DE MINAS. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<https://www.iscs.net.br/>. Acesso em: 02/06/2018.

FACIT. Faculdade de Ciência e Tecnologia. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<https://femc.edu.br/portal/facit/>. Acesso em: 02/06/2018.

FACULDADE PRISMA.Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC.Disponível em:<http://www.prisma.edu.br/index.php/faculdade/>. Acesso em: 02/06/2018.

FASA. FACULDADES SANTO AGOSTINHO. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<http://www.fasa.edu.br/>. Acesso em: 02/06/2018.

FASI. FACULDADE DE SAÚDE IBITURUNA. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<http://www.fase.edu.br/>. Acesso em: 02/06/2018.

FIPMOC. FACULDADES INTEGRADAS PITÁGORAS LTDA. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<http://www.fip-moc.edu.br/>. Acesso em: 03/06/2018.

FJP - Fundação João Pinheiro. Produto Interno Bruto dos Municípios de Minas Gerais, Composição setorial do PIB de Montes Claros nos anos de 2010 e 2015. Disponível em em:<http://fjp.mg.gov.br/index.php/docman/cei/pib/pib-municipais/767-

estatisticainformacoes-5-pib-dos-municipios-de-mg-2015-siteatualizado07022018/file>.

Acesso em: 15/02/2018.

FRANÇA, I. S.; SOARES, B.R.. Expansão urbana em cidades médias: uma reflexão a partir do núcleo e da área central de Montes Claros no Norte de Minas Gerais. Geo. UERJ - Ano 9, nº 17, vol. 2, 2º semestre de 2007. Montes Claros MG, 2007. Disponível em <<http://www.e-publicacoes.uerj.br/index.php/geouerj/article/viewFile/1305/1102>> Acesso dia: 12/11/2017.

FRANÇA, I. S. de. et al. Cidade média, polarização regional e setor de educação superior: estudo de Montes Claros, no Norte de Minas Gerais. 2009. In:Revista UNESP Disponível em:<http://revista.fct.unesp.br/index.php/formacao/article/viewFile/863/888>. Acesso em: 10/09/2017.

FRANÇA, I. S. Aglomeração urbana descontinua de Montes Claros/MG: novas configurações socioespaciais. 393f. 2012. Tese (Doutorado em Geografia) Instituto de Geografia, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 20012. Disponível em: <https://repositorio.ufu.br/bitstream/123456789/15946/1/AglomeracaoUrbanaDescontinua.pdf> Acesso em: 11/06/2017.

FUNORTE. FACULDADES UNIDAS DO NORTE DE MINAS. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<http://www.funorte.com.br/>. Acesso em: 02/06/2018.

GOMES, D. C.; OLIVEIRA, H. S. Mudanças estruturais no setor terciário

em Minas Gerais. In: Anais XI seminário sobre a economia mineira: Economia, História, Demografia e Políticas Públicas. Diamantina (MG).Disponível em: <://www.cedeplar.ufmg.br/diamantina2004/textos/D04A088.PDF>>Acesso em: 20/03/2018.

IBGE. INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATISTÍCA. Censo 2010. Disponível em https://www.ibge.gov.br/ Acesso dia 11/ 09/2017.

INSTITUTO PROMINAS. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<http://prominasmoc.com.br/cursos/graduacao-presencial# >. Acesso em: 03/06/2018.

KLAFKE, K; BALDONI, L. Geografia dos serviços: uma reflexão sobre as pequenas cidades - Ipeúna (SP). In: Anais I Simpósio Brasileiro de Geografia. Alfenas (MG): I Simpósio Brasileiro de Geografia. Disponível em: << http://www.unifal-mg.edu.br/simgeo/system/files/anexos/Karlise%20Klafke.pdf>>Acesso: 08/02/2018

LEITE, M. E. Geotecnologias aplicadas ao mapeamento do uso do solo urbano e da dinâmica de favela em cidade média: o caso de Montes Claros/MG. 2011. 287f. Tese (Doutorado em Geografia). Programa de Pós-Graduação em Geografia, Universidade Federal de Uberlândia - UFU. 2011.

LEITE, M. E; PEREIRA, A. M. A expansão urbana de Montes Claros a partir do processo de industrialização In: PEREIRA, A.M. et al. Leituras geográficas sobre o norte de Minas Gerais. Montes Claros (MG): Editora UNIMONTES, 2004.

LEITE, M. E; PEREIRA, A. M. Metamorfose do Espaço Intra-urbano de Montes Claros/MG, Montes Claros (MG): Editora UNIMONTES, 2008.

LEITE, R. F. C. de. Norte de Minas e Montes Claros: o significado do ensino superior na (re) configuração da rede urbana regional. 192f. Dissertação (mestrado em Geografia) Universidade Federal de Uberlândia. Uberlândia. UFU, 2003.

LIMA, L. C.; ROCHA, A. M. Reflexões sobre o terciário. GeoTextos, v. 5, n. 2, p.85-105, 2009. Disponível em <<https://portalseer.ufba.br/index.php/geotextos/article/view

File/3788/2765>> Acesso: 8/03/2018.

MOTA, A. A. da. A GEOGRAFIA DO ENSINO SUPERIOR DE MARGINGÁ: a dinâmica regional e as transformações no espaço urbano. 264 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) Universidade Estadual de Maringá. UEM, 2007.

NASCIMENTO JÚNIOR, F. C. O fenômeno de expansão das Instituições de Ensino Superior e o território brasileiro. In Geografia, v.15, n 1, Jan./Jun. 2006 Universidade Estadual de Londrina, Departamento de Geociências. Disponível em Acesso dia 20/03/2018.

PEREIRA, A. M. Cidade média e região: o significado de Montes Claros no Norte de Minas Gerais. 347f. 2007. Tese (Doutorado em Geografia) – Instituto de Geografia, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007. Disponível em: <http://repositorio.ufu.br/bitstream/123456789/1093/1/CidadeM%C3%A9diaRegi%C3%A3o.pdf.>. Acesso em: 10/06/2017.

SANTOS, D. P. dos; FERNANDES, M. D. Breve histórico do curso de geografia na Fundação Norte Mineira de Ensino Superior- FUNM, em Montes Claros (MG). In: Revista Cerrados. Montes Claros, MG v.10 n.2 p. 47-59 jan./dez. 2012.

SPOSITO, M. E. B. As cidades médias e os contextos econômicos contemporâneos. In____. (Org.) Urbanização e cidades: perspectivas geográficas. Presidente Prudente: GAsPERR, 2001. P. 609- 643.

UFMG. UNIVERSIDADE FEDERAL DE MINAS GERAIS. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC. Disponível em:<http://www.ica.ufmg.br/ica/#>. Acesso em: 02/06/2018.

UNIMONTES. UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS. Cursos disponíveis, ano de reconhecimento ou autorização do MEC; Historia do Hospital Universitário Clemente de Faria. Disponível em:<http://www.unimontes.br/>. Acesso em: 29/05/2018.

UNIMONTES. UNIVERSIDADE ESTADUAL DE MONTES CLAROS. Unimontes Em Números. Disponível em:<http://unimontes.br/images/sintese%202016.pdf>>. Acesso em: 16/11/2017.

Downloads

Publicado

2021-07-21

Como Citar

SOUZA, C. Y. V. D. .; PEREIRA, A. . M. . Expansão das instituições de ensino superior e as dinâmicas espaciais intraurbanas em Montes Claros-MG. Geografares, [S. l.], v. 1, n. 32, p. 69–92, 2021. DOI: 10.47456/geo.v1i32.30893. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/geografares/article/view/30893. Acesso em: 25 out. 2021.