Síntese e caracterização de bioplásticos a partir de glicerol e óleo de mamona

Autores

  • Rodrigo Da Vitória Gomes Universidade Federal do Espírito Santo - Campus São Mateus
  • Breno Nonato de Melo Universidade Federal do Espírito Santo - Campus São Mateus
  • Márcia Helena Rodrigues Velloso Universidade Federal do Espírito Santo - Campus São Mateus

DOI:

https://doi.org/10.21712/lajer.2017.v4.n1.p41-51

Resumo

Óleos vegetais são precursores de materiais poliméricos de diversos segmentos. O óleo de mamona e o glicerol são polióis com alto teor de hidroxilas que sintetizam poliésteres de grande aplicabilidade e com características biodegradáveis. Novos poliésteres a partir de glicerol, óleo de mamona e ácido adípico foram sintetizados por policondensação. Para a realização da síntese utilizou-se duas condições de reação: sistema aberto aquecido a 190ºC sob agitação mecânica; e sistema fechado em reator sob agitação magnética, aquecido a 190ºC sob vácuo conectado a um trap refrigerado, permitindo a retirada da água formada no processo. Foram estudadas duas diferentes estequiometrias [OH]/[COOH]: 0,9 e 1,5 variando de 10% a 100% a mistura Óleo de Mamona (OM) e Glicerol (Gli). As amostras obtidas foram caracterizadas por espectroscopia na região de infravermelho (ATR) e por Ressonância Magnética Nuclear (RMN) de hidrogênio e de carbono. A partir dos espectros de ATR foi possível confirmar a esterificação em todos os materiais sintetizados. Os espectros de RMN1H e RMN13C mostraram os principais sinais de modificação dos polióis indicando a ramificação dos poliésteres sintetizados. Os poliésteres sintetizados, dependendo da estequiometria e da proporção entre os polióis apresentaram características adesivas à elastoméricas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Da Vitória Gomes, Universidade Federal do Espírito Santo - Campus São Mateus

Departamento de Ciências Naturais

Breno Nonato de Melo, Universidade Federal do Espírito Santo - Campus São Mateus

Departamento de Ciências Naturais

Márcia Helena Rodrigues Velloso, Universidade Federal do Espírito Santo - Campus São Mateus

Departamento de Ciências Naturais

Referências

[1] GOLDEMBERG, J. Biomassa e Energia, Química Nova, v.32, n. 3, p. 582-587, 2009.
[2] KIKUCHI, S., Energia – Potencial a ser Explorado, Ecologia e Desenvolvimento, Terceiro Milênio, n. 94, p.42-44, 2001.
[3] MELO, B. N., PASA V. M. D., Composites Based on Eucalyptus Tar Pitch/Castor Oil Polyurethane and Short Sisal Fibers. Journal of Applied Polymer Science, Vol. 89, 3797-3802, 2003.
[4] PETROVIC, S. Z., CVTKOVIC, I., HONG, D., WAN, X., ZHANG, W., ABRAHAM, T., MALSAM, J. Polyester Polyols and Polyurethanes from Ricinoleic Acid. Journal of Applied Polymer Science, Vol. 108, 1184-1190, 2008.
[5] FORNASIERI, M., ALVES, J. W., MUNIZ, E. C., RUVOLO, A. F., OTAGYRO, H., RUBIRA, A. F., CARVALHO, G. M. Synthesis and characterization of polyurethane composites of wood waste and Polyols from chemically recycled pet. Composites: Part A 42, 189-195, 2011.
[6] GUNER, F. S., YAGCI, Y., ERCIYES, A. T. Polymers from triglycerides oils. Prog.Polym.31, 633-670, 2011.
[7] BIERMANN, U.; BORNSCHEUER, U.; MEIER, M. A. R.; METZGER, J. O.; SCHAFER, H. J., Oils and Fats as Renewable Raw Materials in Chemistry, AngewandteChemie, n. 50 p. 3854-3871, 2011.
[8] ZHANG, T.; HOWELL, B. A.; DUMITRASCU, A.; MARTIN, S. J., Synthesis and Characterization of Glycerol-adipic Acid Hyperbranched Polyesters, Polymer, n. 55, p. 5065-5072, 2014.
[9] CHOUZOURI, G., XANTHOS, M. Degradation of Aliphatic Polyesters in the Presence of Inorganic Filters. Journal of Plastic film and Sheeting, Vol, 23 - January 2007.
[10] ECHEVERRI, D.; JARAMILLO, F.; RIOS, L. A., Curing Copolymerization Kinetics of Styrene With Maleated Castor Oil Glycerides Obtained from Biodiesel-Derived Crude Glycerol, Applied Polymer Science, n. 132, p.41344, 2015.
[11] KUMARI, S.;MISHRA, A.K.; CHATTOPADHYAY, D. K.; RAJU, K. V. S. N., Synthesis and Characterization of Hyperbranched Polyesters and Polyurethane Coatings, Journal polymer Science: Part A: polymer Chemistry, v. 45, p. 2673-2688, 2007.
[12] ZARDORECKI, P., FLODIN, P. Surface Modification of Cellulose Fibers. I. Spectroscopic Characterization of Surface-Modified Cellulose Fibers and Their Copolymerization with Styrene. Journal of Applied Polymer Science, Vol. 30, 2419-2429, 1985.
[13] REIS, M. I. P., ROMEIRO, G. A., DAMASCENO, R. N., SILVA, F. C., FERREIRA, V. F. Síntese e Aplicações de 1,3,5-Triazinanas. Rev. Virtual Quim. , Vol. 5, 283-299, 2013.
[14] CUNHA, A. C., PAIXÃO, F. M., SOUZA, M. C. B. V., FERREIRA, V. F., Cloreto Isocianúrico e Cloreto Cianúrico: Aspectos Gerais e Aplicações em Sínteses Orgânicas. Quim, Nova. Vol. 29, No. 3. 520-527, 2006.
[15] COELHO, A. C. V., SANTOS, P. S. Argilas Especiais: Argilas Quimicamente Modificadas – Uma Revisão. Quim. Nov. Vol. 30, No. 5, 1282-1294, 2007.
[16] MANO, E.B., Polímeros Como Materiais de Engenharia, Edgar Blucher LTDA, São Paulo, 1991.
[17] YAMASHITA, H., NAKANO, Y. Polyester – Properties, Preparation and Applications. New Science Publishers, Inc. New York, 2008.
[18] Associação Brasileira das Industrias Texteis e de Confecção-ABIT. Perfil geral do setor têxtil e de confecção 2016. Disponível em: http://www.abit.org.br.>. Acessado em 21/08/2016.
[19] MACDONALD, W. A. New Advances in Poly (ethylene terephthalate) Polymerization and Degradation.Polymer International, v. 51, n 10, p. 923-930, 2002.
[20] VASCONCELOS, Y. Decomposição Rápida: Pesquisadores desenvolvem polímero reciclado feito com PET inofensivo ao ambiente. PESQUISA FAPESP. MAIO DE 2007
[21] B. H. S. Miranda; A. P. P. Alves; G. G. Silva; A. R. Sousa. Poliéster hiperramificados: síntese por uma rota simples, caracterização e avaliação como modificador de impacto de uma resina epóxi. Revista Eletrônica de Materiais e Processos, v. 10, n. 3 (2015) 159–166.

Downloads

Publicado

2021-02-05

Edição

Seção

Artigos