A integração regional e dinamismo setorial na economia da república de Angola / Regional integration and industry dynamics in the economy of the republic of Angola

Autores

  • Livio Andrade Wanderley Universidade Federal da Bahia

DOI:

https://doi.org/10.7147/GEO18.6429

Resumo

O artigo fez uma análise da economia de angola visando identificar os setores e mesorregiões quanto ao dinamismo e integração regional, respectivamente. Aplicou-se o modelo shift-share entre os anos de 2003 e 2007, para verificar as influências do crescimento nacional, da estrutura produtiva e de atributos regionais, em cada setor e mesorregião. Observou-se a hegemonia nacional, especialmente, de duas regiões litorâneas, a falta de dinamismo estrutural nos setores e mesorregiões, e a existência de dinamismos endógenos em algumas regiões. Interpretou-se que o atual estágio da economia angolana pauta-se por um dinamismo concentrado em Luanda e Benguela e pela frágil integração regional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Livio Andrade Wanderley, Universidade Federal da Bahia

Departamento de Economia

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2016-02-12

Como Citar

WANDERLEY, L. A. A integração regional e dinamismo setorial na economia da república de Angola / Regional integration and industry dynamics in the economy of the republic of Angola. Geografares, [S. l.], n. 18, p. 39 a 56, 2016. DOI: 10.7147/GEO18.6429. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/geografares/article/view/6429. Acesso em: 22 jan. 2022.

Edição

Seção

Artigos