Políticas sociais e crise capitalista: desafios para o serviço social

Autores

  • Ana Targina Rodrigues Ferraz Universidade Federal do Espírito Santo - Vitória (ES)

DOI:

https://doi.org/10.18315/argumentum.v8i1.12176

Resumo

A professora Maria Carmelita Yazbek em seu texto “O desafio da defesa das políticas públicas e o enfrentamento da pobreza no cenário contemporâneo: o significado da profissão em tempos de mudanças” nos convida a pensar de que maneira as (os) profissionais de serviço social no cenário de crise estrutural do capitalismo e suas graves conseqüências para os trabalhadores, podem manter seu compromisso com os anseios por igualdade, justiça e democracia preconizados em nosso projeto profissional. O diálogo com a autora destacará as perspectivas das políticas públicas no atual contexto das sociedades capitalistas em todo o mundo e no Brasil, para em seguida abordar os desafios que tais perspectivas comportam para a profissão, de forma a colocar em relevo o que acredito que requer um pouco mais de atenção: as disputas políticas no espaço das políticas sociais públicas por concepções de sociedade e Estado, também atravessam a categoria e se expressam no fazer profissional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Targina Rodrigues Ferraz, Universidade Federal do Espírito Santo - Vitória (ES)

Assistente Social, Doutora em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), professora do Departamento de Serviço Social e professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Política Social da UFES

Downloads

Publicado

2016-05-08

Como Citar

Ferraz, A. T. R. (2016). Políticas sociais e crise capitalista: desafios para o serviço social. Argumentum, 8(1), 21–26. https://doi.org/10.18315/argumentum.v8i1.12176

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)