INTENCIONALIDADE EM PROFERIMENTOS PERFORMATIVOS DE BRASILEIRAS COM CÂNCER DE MAMA NO CONTEXTO DIGITAL: UMA ABORDAGEM PRAGMÁTICA

Autores

  • Renata Martins Amaral Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)

Resumo

Esse artigo propõe uma análise de proferimentos performativos na internet de três brasileiras em tratamento oncológico da mama que utilizam o site do Instituto Oncoguia para buscarem apoio no tratamento da doença. As lentes utilizadas para a leitura dos dados têm como referencial teórico a Pragmática e a Intencionalidade. A metodologia de pesquisa é a ciber etnografia. Os objetivos do estudo são: (i) identificar as intenções das pacientes ao proferirem suas enunciações no contexto digital; e (ii) verificar como a dêixis permeia as elocuções de intencionalidade dos atores sociais. A investigação sinaliza que um espaço virtual como o Oncoguia pode se revelar um contexto digital frutífero ao compartilhamento de histórias de vida, desafios e conquistas de pacientes com câncer, seus familiares e demais interessados no tema.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Martins Amaral, Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)

Doutorado em andamento na PUC-Rio, Departamento de Letras, Programa de Estudos da Linguagem. Mestrado em Linguística Aplicada pela UFRJ e Graduação (Bacharelado e Licenciatura) em Letras português/inglês pela UFRJ.

Downloads

Publicado

2016-07-03

Como Citar

AMARAL, R. M. INTENCIONALIDADE EM PROFERIMENTOS PERFORMATIVOS DE BRASILEIRAS COM CÂNCER DE MAMA NO CONTEXTO DIGITAL: UMA ABORDAGEM PRAGMÁTICA. PERcursos Linguísticos, [S. l.], v. 6, n. 12, p. 94–113, 2016. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/percursos/article/view/12258. Acesso em: 5 dez. 2021.