UMA ANÁLISE SOBRE OS EFEITOS DE EMOÇÕES EM POEMAS MEMORIALISTAS DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE

Autores

  • Gabriela Pacheco Amaral Universidade Federal de Minas Gerais

Resumo

Resumo: O objetivo deste trabalho é analisar os discursos memorialitas nos poemas Confidência do Itabirano (1978), Infância (1930), Negra (1986) e Homem Livre (1973,) de Carlos Drummond de Andrade, que produzem efeitos de emoções no discurso. Consideramos que nesses poemas será possível identificar como a cidade natal, Itabira, e o estado, Minas Gerais, são relembrados pelo poeta por meio do discurso literário. Ademais, acreditamos que nosso corpus pode apresentar diversos saberes de crença que apontam para esses efeitos de emoções. Para alcançar o objetivo, nosso arcabouço teórico será com os pressupostos de Charaudeau (1983), no que diz respeito às tópicas patêmicas no discurso, e com os postulados de Plantin (2010) sobre a emoção. O processo metodológico para esse estudo será por meio do modo de organização do discurso descritivo, da Semiolinguística, no qual poderemos analisar como as descrições objetivas e subjetivas possivelmente compõem os saberes de crença e os efeitos de emoções no discurso.

Palavras-chaves: Emoções; Minas Gerais; Análise do Discurso; Drummond.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gabriela Pacheco Amaral, Universidade Federal de Minas Gerais

Doutoranda em Estudos Linguísticos na área da Análise do Discurso

Downloads

Arquivos adicionais

Publicado

2017-12-17

Como Citar

AMARAL, G. P. UMA ANÁLISE SOBRE OS EFEITOS DE EMOÇÕES EM POEMAS MEMORIALISTAS DE CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE. PERcursos Linguísticos, [S. l.], v. 7, n. 16, p. 67–85, 2017. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/percursos/article/view/17562. Acesso em: 30 nov. 2021.