ENSINO-APRENDIZAGEM DE INGLÊS NA EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSIDERAÇÕES SOBRE MULTILETRAMENTOS E FORMAÇÃO DOCENTE

Autores

  • Ana Sara Manhabusque Galvão Universidade Federal do Espírito Santo
  • Claudia Jotto Kawachi Furlan Universidade Federal do Espírito Santo

Resumo

A presente pesquisa investigou desafios do ensino de língua inglesa (LI) no contexto da Educação Infantil (2 a 5 anos), analisando a formação de professores para esta faixa etária sob a ótica da pedagogia dos multiletramentos (ROJO, 2012). O objetivo foi investigar a atuação de professoras voluntárias de inglês em um Projeto de Extensão que ocorre no Centro de Educação Infantil Criarte, na Universidade Federal do Espírito Santo, focando no planejamento das aulas e na utilização de material didático. Este trabalho se justifica pela relevância em investigar a formação de professores que atuam nesse contexto, tendo em vista a lacuna na formação (o foco do curso de Letras é a Educação Básica e o curso de Pedagogia não aborda aspectos de ensino-aprendizagem de línguas estrangeiras), a falta de parâmetros oficiais e falta de currículo mínimo para o ensino (CARVALHO; TONELLI, 2016). Para atingir os objetivos deste estudo, foram conduzidas entrevistas com as professoras voluntárias do Projeto de Extensão e com as pedagogas da Criarte. As entrevistas foram transcritas e analisadas junto com os planos de aula das voluntárias. Diante dos resultados foi possível compreender melhor a atuação das participantes deste estudo e o que direciona suas práticas no projeto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Sara Manhabusque Galvão, Universidade Federal do Espírito Santo

Graduanda em Letras-Inglês na Universidade Federal do Espírito Santo

Claudia Jotto Kawachi Furlan, Universidade Federal do Espírito Santo

Professora no Departamento de Línguas e Letras e no Programa de Pós-graduação em Linguística da UFES

Downloads

Publicado

2019-12-24

Como Citar

MANHABUSQUE GALVÃO, A. S.; JOTTO KAWACHI FURLAN, C. ENSINO-APRENDIZAGEM DE INGLÊS NA EDUCAÇÃO INFANTIL: CONSIDERAÇÕES SOBRE MULTILETRAMENTOS E FORMAÇÃO DOCENTE. PERcursos Linguísticos, [S. l.], v. 9, n. 23, p. p.148–165, 2019. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/percursos/article/view/27922. Acesso em: 5 dez. 2021.