"E EU TÔ AQUI SOFRENDO”: UMA ENTREVISTA E OS VÁRIOS FENÔMENOS SOCIOLINGUÍSTICOS INTERACIONAIS

Autores

  • Mariana de Castro Atallah Universidade Federal do Espírito Santo
  • Mayara de Oliveira Nogueira Universidade Federal do Espírito Santo

Resumo

Propomo-nos, no presente trabalho, a analisar um fragmento de uma entrevista realizada no ano de 2012, na cidade de Serra, município integrante da Grande Vitória (estado do Espírito Santo), gravada em vídeo e áudio, com uma idosa que vive em uma instituição de longa permanência (de caráter filantrópico) desta cidade. Tencionamos explorar, numa perspectiva que se alinha à Sociolinguística Interacional, fenômenos tais quais o de enquadre, footing (GOFFMAN, 1964; 1974), organização sequencial de fala (SACKS, JEFFERSON E SCHEGLOGG, 1974; PSATHAS, 1995) e, em especial, a fala institucional (JUNG; LORDER, 2009). A entrevista foi feita pelo método etnográfico de pesquisa em campo e transcrita com base nos estudos da Análise da Conversa; a interação foi realizada numa sala médica existente no interior da instituição e contou com quatro participantes: as duas pesquisadoras, uma idosa e uma enfermeira. Buscamos, outrossim, apresentar alguns conceitos-chave da Sociolinguística Interacional e empregá-los em nossa análise.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Mariana de Castro Atallah, Universidade Federal do Espírito Santo

Mestranda em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal do Espírito Santo (Conclusão: julho/2013). Possui graduação em Letras/Português pela Universidade Federal do Espírito Santo (Conclusão: 2011/1). Experiência na área da Linguística e na Comunicação Social. Ênfase na Sociolinguística, principalmente pela Sociolinguística Interacional, na Pragmática, na Análise do Discurso e na Semântica.

Mayara de Oliveira Nogueira, Universidade Federal do Espírito Santo

Atualmente é aluna de mestrado do Programa de Pós Graduação em Estudos Linguísticos da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), com bolsa pelo Fundo de Amparo à Pesquisa do Espírito Santo (FAPES). Faz parte do Grupo de Estudos em Alteridade e Política (UFES), com pesquisa na linha de Análise do Discurso. Possui graduação em Direito pela Universidade Vila Velha (2011) e em Letras Português pela Universidade Federal do Espírito Santo (2011). Tem interesse e experiência nas seguintes áreas e temas: Análise do Discurso Francesa, Ethos, Gênero canção e Pragmática.

Downloads

Publicado

2013-11-14

Como Citar

ATALLAH, M. de C.; NOGUEIRA, M. de O. "E EU TÔ AQUI SOFRENDO”: UMA ENTREVISTA E OS VÁRIOS FENÔMENOS SOCIOLINGUÍSTICOS INTERACIONAIS. PERcursos Linguísticos, [S. l.], v. 3, n. 7, p. 8–28, 2013. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/percursos/article/view/4019. Acesso em: 8 dez. 2021.